Mãe é executada na frente dos filhos

Viúva há apenas 25 dias, Elizabeth Araújo Soares Lima, de 33 anos, foi assassinada ontem por um homem que, segundo a polícia poderia ser o mesmo tudo indica assassino de seu marido,Francisco Fernandes de Lima. O crime ocorreu pouco antes das 23 horas de ontem, na residência da vítima, no Jardim Pantanal, zona leste. O crime foi presenciado pelo casal de filhos da vítima, que estava escondido no quarto da casa. Uma outra pessoa que se encontrava na casa, Josué de Souza Albuquerque, de 25 anos, também foi baleado e encontra-se internado em estado grave. Os filhos de Elizabeth, Emanuela, de 14 anos, e Emanuel, de 12, passam bem. Seus únicos parentes são duas tias que moram na mesma rua. Francisco comprava e vendia terrenos na região da Favela Pantanal. Quando foi morto com tiros, no início do mês, o comentário na favela era de que suas atividades estavam incomodando traficantes que pretendem dominar o local. Elizabeth era testemunha da homicídio do marido, que está prestes a ser esclarecido pela polícia.Segundo a polícia, as únicas pistas do assassino são de que seria um rapaz moreno, que aparenta ter 20 anos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.