Mãe e filhas morrem em chacina no grande ABC

Uma mulher e suas duas filhas foram executadas, o final da noite de ontem, no município de Santo André, na 29.ª chacina registrada somente neste ano na região metropolitana de São Paulo. O crime ocorreu por volta das 23 horas, na Favela Lamartine, dentro de um barraco da Viela n.º 8, localizada próximo ao número 123 da Rua Lamartine, em Vila Suiça, periferia de Santo André, no grande ABC.Segundo informaram testemunhas à policiais militares da 3.ª Companhia do 10.º Batalhão, pelo menos 2 homens encapuzados e armados com espingardas calibre 12 invadiram o barraco. Foram mortas, com tiros na cabeça, Evanir da Silva, 31, e as duas filhas dela, Samira Évelin da Silva Fernandes, 8, e Tamires Silva Costa, 3.Após executarem as três vítimas, os atiradores fugiram e não foram mais vistos pelos moradores da favela. O motivo do crime ainda é um mistério para a polícia. O local onde ocorreu a chacina, segundo a Polícia Militar, é conhecido pela intensa atuação de traficantes de droga, mas ainda não se pode afirmar que o crime tenha sido motivado por acerto de contas do tráfico. O caso está registrado no 4.º Distrito Policial de Santo André.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.