Facebook/Reprodução
Facebook/Reprodução

Mãe reconhece corpo de brasileiro desaparecido na Indonésia

Inicialmente, família havia dito que não se tratava de Fernando Vieira Campello, de 24 anos, mas o jovem foi identificado nesta quinta-feira

Felipe Cordeiro e Lisandra Paraguassu, O Estado de S. Paulo

05 de fevereiro de 2015 | 12h27

Atualizado às 13h10

SÃO PAULO - A mãe do brasileiro Fernando Vieira Campello, de 24 anos, desaparecido na Indonésia desde a semana passada reconheceu nesta quinta-feira, 5, o corpo do filho, encontrado afogado no mar, na região de Lombok, na Ilha de Gili Trawangan. A informação foi confirmada pelo Itamaraty.

Na terça-feira, 3, a família havia dito que o corpo não era dele, mas um novo reconhecimento foi feito, no qual a mãe de Fernando, Luciana Vieira, identificou o filho através da foto tirada pelo diplomata de uma tatuagem no braço do jovem e também por um raio X que mostrava um pino no tornozelo, de uma cirurgia realizada por ele.

Muito abalada, Luciana não quis fazer o reconhecimento diretamente.  

"O amor da minha vida foi chamado pelo Senhor. Dói demais, mas acredito que ele esteja em paz, pois sua passagem por aqui foi uma aventura maravilhosa", escreveu a mãe em seu perfil no Facebook. "Ele sempre esteve cercado de pessoas maravilhosas, que o amam muito. Por esse motivo, não mudarei a minha foto do perfil para o tradicional 'Luto'."

Já Paty Serrador lamentou a morte e se lembrou de momentos ao lado dele. "Não me conformo e nunca vou me conformar, vou te esperar sempre para aquela nossa viagem maluca que pretendíamos fazer", declarou. "Você deve saber o quão importante é! Quem te conheceu sabe do que eu estou falando."

Fernando foi encontrado na costa de Lombok. A embaixada do Brasil em Jacarta ajudará agora nos procedimentos legais para a liberação do corpo.  

Fernando mora na Austrália com a mãe e estava de férias na Indonésia. Na última quinta-feira, 29, estava na Ilha de Gili Trawangan para uma festa, de onde decidiu sair mais cedo com um amigo porque não estava se sentindo bem. Ele e o amigo se separaram e Fernando não foi mais visto.

Tudo o que sabemos sobre:
Indonésia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.