Mãe reencontra filha de cinco meses seqüestrada há 3 dias

Taís Araújo, de cinco meses, foi entregue à sua mãe, Jaqueline Moraes Souza, de 25 anos, nesta quinta-feira, em Salvador. Ela havia sido raptada há três dias em Guarulhos (SP) pela garçonete desempregada Priscila Silva, de 19 anos, presa ontem em um ônibus interestadual quando tentava fugir com a menina para a cidade pernambucana de Caruaru.De acordo com Jaqueline, Priscila a conheceu numa igreja evangélica e desde que a viu com Taís não tirou os olhos da menina. A garçonete passou a freqüentar a casa da nova amiga e na primeira oportunidade raptou a menina.O delegado de Guarulhos Marcelo Damas, que investigava o caso, descobriu que Priscila, de cabelos tingidos de vermelho, havia embarcado para Caruaru com Taís. Na viagem alimentou a menina com biscoitos e água de coco. Damas entrou em contato com as polícias rodoviária e civil da Bahia e o ônibus foi localizado na estação rodoviária de Poções, a 444 quilômetros de Salvador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.