Mãe suspeita de gravidez e obriga filha a tomar veneno de rato

Mulher de 50 anos obrigou a filha a tomar água com veneno; ela foi presa e jovem está internada em observação

Solange Spigliatti, Central de Notícias,

03 Julho 2009 | 13h25

Uma mulher foi presa em flagrante na madrugada desta sexta-feira, 3, após tentar matar a própria filha, no bairro Manacás, em Belo Horizonte, segundo informações da Polícia Militar.

 

Araci Francisca de Jesus, de 50 anos, disse ter colocado veneno de rato na água e obrigado a filha Tainá, de 14 anos, a beber a água pois achava que a adolescente estava grávida, de acordo com a PM.

 

A polícia foi acionada pela Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Santa Terezinha, para onde a jovem foi levada. Ela permanece internada em observação e segundo exames, não foi confirmada a gravidez.

Mais conteúdo sobre:
envenenamento Minas

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.