Maestro de grupo alemão morre afogado no litoral paranaense

Outros turistas tiveram ferimentos mais sérios por causa da maré na Ilha do Mel e foram levados para hospital

Evandro Fadel e Fabiana Marchezi, O Estado de S.Paulo e estadao.com.br

18 Agosto 2008 | 18h17

Cerca de 15 turistas alemães se afogaram na praia Nova Brasília, na Ilha do Mel, no litoral do Paraná, no início da tarde desta segunda-feira, 18. Entre eles estava o maestro Christian Buss, de 38 anos, morador em Ubstadt-Weiher, na Alemanha, e que acabou morrendo após ser surpreendido pela maré. Outros dois turistas ficaram feridos e foram levados para o Hospital Regional de Paranaguá, onde se recuperavam sem correr risco de morte. Eles fazem parte da orquestra de sopros Musikverein "Echo" Ubstadt, que faria uma apresentação nesta noite no Teatro Regina Vogue, em Curitiba. O show foi cancelado.   Segundo o major Edemilson de Barros, do Corpo de Bombeiros de Paranaguá, 14 pessoas, de um grupo de 84 que estava na ilha, decidiram entrar no mar na Praia de Fora, localizada na Vila Nova Brasília, próximo ao Farol das Conchas. "Ali há uma corrente de retorno muito forte", disse o major. "Eles foram rapidamente arrastados", afirmou. A correnteza puxou-os para o lado das pedras.   Como o Corpo de Bombeiros mantém equipes de salva-vidas no local somente na temporada de verão, o primeiro atendimento foi feito pelo grupo Salva-Surfe, formado por moradores do local treinados pelos bombeiros, que os retiraram das águas. Eles acionaram a Polícia Ambiental, que chamou os bombeiros de Paranaguá às 13h35. O bote chegou à ilha por volta das 14 horas, mas o maestro já estava morto. O corpo dele e os dois feridos mais graves foram levados ao continente, onde chegaram às 15 horas.   Alguns turistas que tiveram escoriações mais leves foram atendidos na própria ilha e, no fim da tarde, também foram até Paranaguá. Segundo o major, a identificação de Buss foi realizada pelo Instituto Médico Legal de Paranaguá, onde o corpo permanecia até o fim desta tarde. A maioria dos integrantes da orquestra tem idade inferior a 27 anos.   Atualizado às 18h53

Mais conteúdo sobre:
Paraná Ilha do Mel turistas PR

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.