André Dusek/Estadão
André Dusek/Estadão

Maia diz ser possível acordo sobre demandas de Bolsonaro para mudar Código de Trânsito

Bolsonaro mostrou insatisfação com a versão atual do relatório do deputado Juscelino Filho (DEM-MA)

Amanda Pupo, O Estado de S.Paulo

17 de dezembro de 2019 | 16h34

BRASÍLIA - O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse nesta terça-feira, 17, ser possível chegar a um acordo sobre as demandas do presidente Jair Bolsonaro em torno do projeto que muda o Código de Trânsito Brasileiro. Bolsonaro mostrou insatisfação com a versão atual do relatório do deputado Juscelino Filho (DEM-MA). O projeto foi entregue pelo Executivo em junho.

Maia apontou que a demanda do presidente está relacionada a dois pontos: a pontuação para suspensão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e o prazo para renovação da carteira. O projeto do Executivo previa ampliar a validade da CNH de cinco para dez anos aos motoristas com até 65 anos, além de dobrar - de 20 para 40 - o limite de pontos para suspender a habilitação.

"São dois pontos que acredito que seja possível se chegar a um acordo. Conversei com relator ontem (segunda-feira, 16). Até porque é um tema que tem expectativa da sociedade de que o Congresso possa ter esse assunto resolvido pelo menos até o início do ano que vem", disse Maia.

A comissão especial que analisa o projeto de lei poderia votar o texto do relator nesta terça-feira, mas a reunião foi cancelada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.