Maionese leva 70 para o hospital

Pelo menos 70 pessoas passaram mal entre a noite de ontem e a madrugada de ontem após comerem hamburgers de frango com maionese provavelmenteestragada, numa barraca de lanches no centro da cidade de Santo Antonio de Jesus, no Recôncavo Baiano.As pessoas lotaram os quatros principais hospitais da cidade e após medicados foram liberados na manhã de hoje. A Secretaria de Saúde do Município interditou a barraca Max Burger onde o lanche contaminado foi comercializado, mas não divulgou o nome do proprietário.Manuela Lima e um grupo de amigos foram as primeiras vítimas da maionese. Eles haviam assistido a um filme no cinema local e depois resolveram fazer um lanche antes de retornarem para casa. "Fui a primeira a sentir sintomas de infecção intestinal", contou Manuela informando que teve dor de barriga, diarréia, febre e vômitos. Os amigos também passaram mal e todos se encontraram no hospital. Os médicos se espantaram quando outras pessoas começaram a chegar com os mesmos sintomas.Segunda a secretaria de Saúde do município Eliane Bessa, o problema pode ter sido causado pela má conservação dos alimentos. A vigilância sanitária recolheu amostras da maionese do frango para análise e caso seja constatada a culpa dos donos da Max Burger, eles terão a licença cassada e serão responsabilizados criminalnente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.