Agência Brasil
Agência Brasil

Mais de 12 milhões de passageiros trocam ônibus por avião

Anuário da Anac mostra que viagens interestaduais via terrestre perderam público para a aviação, que cresceu 177% em dez anos

Mônica Reolom, O Estado de S. Paulo

13 Outubro 2014 | 18h48

Em dez anos, 12,8 milhões de pessoas deixaram de usar ônibus para viagens interestaduais superiores a 75 quilômetros. Ao mesmo tempo, 53 milhões de pessoas passaram a usar avião nesses trajetos. Os dados foram divulgados nesta segunda-feira, 13, no Anuário do Transporte Aéreo de 2013, elaborado pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

A perda dos passageiros que viajam por terra foi de 19% desde 2004, passando de 67,2 milhões para 54,4 mi. Já a aviação civil cresceu 177%, passando de 29,9 milhões passageiros transportados por ano para 83 milhões. Para fazer a comparação, a Anac usou dados da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

Os números mostram que a participação desses modais inverteu em dez anos. Em 2004, o transporte rodoviário era responsável por 69,2% dos passageiros transportados e a aviação, por 30,8%. Já em 2013, as empresas aéreas transportaram 60,4% dos passageiros neste mercado e as de transporte rodoviário, 39,6%. O ano de 2010 foi o primeiro em que a aviação passou o transporte terrestre.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.