Mais de 200 máquinas caça-níqueis apreendidas na Baixada Fluminense

Ontem, agentes apreenderam 35 máquinas nas zonas norte e sul da cidade do Rio

estadão.com.br,

25 Janeiro 2012 | 16h22

O texto foi atualizado às 19h40.

SÃO PAULO - Nove pessoas foram presas e 221 máquinas caça-níqueis foram apreendidas nesta quarta-feira, 25, durante operação da Polícia Civil na Baixada Fluminense.

Em Duque de Caxias, um bingo foi fechado no bairro Saracuruna. Os agentes chegaram até ao local a partir de informações repassadas ao disque denúncia. No estabelecimento foram encontradas 50 caça-níqueis.

Os presos vão responder por crime contra economia popular e contravenção penal.

Apreensões. Duas pessoas foram presas e 35 máquinas de vídeo bingo apreendidas na noite desta terça-feira, 24, nos bairros do Cachambi e do Colégio, na zona norte da cidade do Rio, e Copacabana, na zona sul.

Os agentes da especializada foram até um endereço no bairro do Cachambi, onde apreenderam nove máquinas e prenderam o responsável pelo local, que foi autuado por contrabando, crime contra a economia popular e contravenção.

Mais tarde, os policiais seguiram para a Rua Aires Saldanha, em Copacabana, onde descobriram um bingo clandestino com 20 máquinas. Os policiais ainda apreenderam seis máquinas caça-níqueis e prenderam um homem em um bar localizado na Rua Guiraréia, bairro Colégio. Ele vai responder pelos crimes contra a economia popular, jogos de azar, contrabando ou descaminho.

Mais conteúdo sobre:
bingo Baixada Fluminense

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.