Mais de 32 mil pessoas na fila para 500 vagas em Campinas

Um concurso público aberto em Campinas parapreencher 542 vagas provocou filas nos 15 postos de inscrição instalados na cidade. Mais de 32.500 pessoas haviam seinscrito nos três primeiros dias de cadastramento, até as 18 horas de hoje. Na escola Aníbal de Freitas, que atendedesempregados e doadores de sangue, com isenção do pagamento da taxa de inscrição, as filas foram maiores. As 542 vagas referem-se a 116 cargos. Os mais procurados até hoje são assistente administrativo (5.303inscritos para 50 vagas), ajudante de cozinheiro (3.803 para 15 vagas), inspetor de alunos (2.361 para 10 vagas), telefonista(2.166 para 13 vagas) e procurador (1.187 para 25 vagas). A inscrição custa R$ 6,90 para quem tem ensino fundamental, R$13,80 ensino médio e R$ 27,60 superior.Alguns interessados reclamaram que tiveram de esperar horas para ser atendidos na escola Aníbal de Freitas e que alista de documentos descrita no edital era diferente da exigida. A empresa Cone Sul, que venceu a licitação para realizar oconcurso, alegou que aumentou o número de atendentes para reduzir as filas. Afirmou ainda que não havia alteração na lista de documentos publicada no edital e exigida nos postos de inscrição. Segundo a Assessoria de Imprensa da Secretaria de Recursos Humanos da prefeitura, as filas eram esperadas eocorrem porque a demanda é muito grande. As inscrições seguem até o próximo dia 30. Dois postos ficarão abertos no final desemana (sábado e domingo, das 9 às 17 horas), três no sábado (das 9 às 17 horas) e um no sábado de manhã (das 9 às 12horas). A lista está no site da prefeitura (www.campinas.sp.gov.br).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.