Mais dois corpos são achados em Angra; mortos chegam a 52

Segundo bombeiros, vítimas provavelmente são as turistas paulistas Emanuele Rodrigues Neto e Fernanda Murad

Pedro Dantas, de O Estado de S. Paulo,

05 Janeiro 2010 | 16h20

Bombeiros retiram bolsas das escavações do Morro da Carioca. Foto: Marcos Arcoverde/AE

 

RIO - Mais dois corpos foram encontrados na Praia do Bananal, em Ilha Grande, em Angra dos Reis, no Rio de Janeiro, na tarde desta terça-feira, 5, elevando para 52 o número de mortos em consequência dos desabamentos provocados pelas chuvas na madrugada do dia 1º.

 

Veja também:

lista Leia a cobertura completa da tragédia em Angra dos Reis

 

De acordo com o diretor de Operações do Corpo de Bombeiros, Carlos Bonfim, as vítimas provavelmente são as turistas paulistas Emanuele Rodrigues Neto e Fernanda Murad, que passavam as festas de fim de ano em uma casa alugada no balneário.  

 

Bombeiros e mergulhadores ainda procuram a última vítima do deslizamento na área, identificada por parentes como Roseli Marcelino Pedroso, de 34 anos. Uma pessoa desaparecida também é procurada no Morro da Carioca, no centro de Angra.

 

Mais conteúdo sobre:
TRAGÉDIA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.