Mais dois seqüestradores de Olivetto são transferidos para Taubaté

Mais dois seqüestradores do publicitário Washington Olivetto foram transferidos para a Casa de Custódia e Tratamento de Taubaté, distante 120 quilometros de São Paulo.Willian Agona e Marcos Rodolfo Rodriguez chegaram na noite de sexta-feira no presídio de segurança máxima, onde já se encontram Maurício Hernandez Norambuena, apontado como o líder da quadrilha, e Alfredo Canalez. A informação é da Secretaria de Administração Penitenciária.Com mais essa transferência, já são quatro seqüestradores do publicitário que permanecem na Casa de Custódia por questões de segurança.Norambuena e Canalez chegaram na penitenciária de Taubaté na segunda-feira, onde foram interrogados por policiais do Serviço de Inteligência do Chile e receberam visitas de familiares na quinta-feira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.