Mais um ônibus é incendiado por quadrilha em Salvador

Total de veículos depredados chega a 13; ataques são resposta a transferência de detentos para o Paraná

Solange Spigliatti, da Central de Notícias,

11 de setembro de 2009 | 09h41

Outro ônibus foi incendiado no começo da manhã desta sexta-feira, 11, no bairro de Águas Claras, em Salvador, na Bahia. A depredação do veículo é a segunda registrada na região, segundo informações inicias da secretaria de Segurança Pública, e fez o total de veículos atacados chegar a 13 na capital baiana.

 

Desde o começo da semana até a noite da quinta-feira, 12 ônibus e dez bases da Polícia Militar foram atacados por integrantes de uma quadrilha de tráfico de drogas conhecida como Comando da Paz, que tinha como líder Cláudio Eduardo Campanha.

 

O governo da Bahia já transferiu 14 presos acusados de coordenar os ataques às bases da Polícia Militar no Estado. Os presos foram levados para o Presídio Federal de Catanduvas, no Paraná.

 

O último ataque anterior ao desta sexta aconteceu a um micro-ônibus, na noite da quinta-feira. Segundo informações do Corpo de Bombeiros, o ataque aconteceu por volta das 22 horas na periferia da cidade e não deixou feridos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.