Reprodução Google Street View
Reprodução Google Street View

Mais um PM é morto no Rio

Eduardo Silva foi vítima de uma tentativa de assalto em Nova Iguaçu; já são mais de 50 vítimas neste ano

Roberta Jansen, O Estado de S.Paulo

18 Maio 2018 | 09h34

RIO - Morreu na madrugada desta sexta-feira, 18, o policial militar Eduardo da Silva Dias, de 48 anos, baleado na cabeça na noite do dia anterior numa tentativa de assalto em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, Rio

O PM estava no Viaduto da Posse, bem próximo da 58º DP. É o 51º policial morto no Rio este ano. O sargento foi levado para o Hospital Geral de Nova Iguaçu, onde morreu horas depois de dar entrada. 

+++Não será em 10 meses que a violência no Rio será resolvida, diz general

Entre a manhã e a noite de quarta-feira, 16, outros dois policiais militares foram mortos. O sargento Robert Nogueira de Almeida, de 42 anos, foi executado com vários disparos quando trafegava com a sua moto Honda CG 125 pela Rua Souto, em Cascadura, zona norte, e o cabo Rafael Silva Estevão, de 34 anos, foi morto durante uma tentativa de assalto na rua Dezenove de Fevereiro, em Botafogo, zona sul.

+++ Bebê de seis meses baleado em escola na zona sul do Rio recebe alta

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.