Manaus abre campanha contra crimes sexuais

Um pierrô com uma lágrima escorrendo no rosto é a marca da Campanha Nacional Contra a Exploração Sexual de Crianças e de Adolescentes para o carnaval deste ano. Segundo a coordenadora da campanha, lançada na última sexta-feira, em Manaus, Leila Paiva, o personagem foi escolhido como símbolo da campanha por representar a alegria do carnaval, mas também apresenta uma lágrima de sofrimento. Especial: Ouça o samba das escolas de Rio e SP Conheça sambódromos paulistano e carioca Blog: Acompanhe a programação das escolas Manaus, segundo a coordenadora, foi a primeira cidade escolhida para o lançamento anual da campanha, que nos últimos três anos teve seu início em cidades do Nordeste. Os organizadores dizem que a região Norte foi escolhida para dar visibilidade ao enfrentamento da exploração sexual de crianças e adolescentes no local. A campanha terá spots veiculados em rádios de todo o país e serão distribuídos durante o carnaval bandanas, fitas, abanadores, adesivos para carros e tatuagens temporárias com a lágrima do pierrô. "O spot é no ritmo das marchinhas dos antigos carnavais, quando a exploração sexual do corpo da mulher era menos apelativa e a exploração sexual infantil menos frequente", diz Leila. Esses materiais farão referência ao "Disque 100", telefone para denúncias anônimas da Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência da República. Por meio dele, os usuários podem apontar casos de violência contra crianças e adolescentes e obter informações sobre desaparecidos. O serviço funciona diariamente, das 8 às 22 horas. A Polícia Federal vai participar pela primeira vez da distribuição dos materiais de divulgação da campanha em inglês e espanhol para os turistas estrangeiros, no momento em que chegarem ao país. Além disso, adesivos para barcos e aviões serão distribuídos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.