Mandante de atentado contra presidente de TRE será procurado em todo o País

SERGIPE

, O Estado de S.Paulo

06 de dezembro de 2010 | 00h00

A Secretaria de Segurança Pública de Sergipe vai espalhar por todo o País cartazes com as fotos do empresário e agiota Floro Calheiros, conhecido como Ricardo Alagoano, que está foragido.

Ele é apontado pela Polícia Civil sergipana como o mandante do atentado sofrido pelo presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe (TRE-SE), desembargador Luiz Mendonça, em 18 de agosto.

Mendonça foi atacado por pistoleiros na Avenida Beira Mar, zona sul de Aracaju, quando se dirigia para o trabalho. Ele saiu ileso. Seu motorista, o cabo da Polícia Militar Jailton Batista, levou um tiro na cabeça, mas sobreviveu.

O material a ser divulgado será encaminhado ao Ministério da Justiça, que fará a distribuição via internet - para órgãos como polícias estaduais, federal, rodoviária federal e guardas municipais. Além da foto de Floro, o cartaz terá ainda o site da SSP (www.ssp.se.gov.br) e os telefones do Centro de Operações Policiais Especiais (0xx7931797716) ou do disque-denúncia (0xx79181).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.