Maníaco do parque volta a julgamento

O motoboy Francisco de Assis Pereira, o maníaco do parque, volta nesta quarta-feira ao júri para ser julgado pelo assassinato da estudante Isadora Fraenkel, de 19 anos. Pereira já cumpre penas que somam 122 anos, na Penitenciária de Itaí. A jovem, a exemplo do que ocorreu com dez outras mulheres, foi levada para o Parque do Estado e morta por estrangulamento, provavelmente em 11 de fevereiro de l998. O maníaco pôs fogo ao cadáver, que só foi encontrado em 8 de agosto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.