Manifestantes param o trânsito da Rio-Santos

Cerca de 400 pessoas, moradores do bairro Porto Novo, em Caraguatatuba, no litoral paulista, pararam o trânsito no km 109 da Rio-Santos, SP 55, em Caraguatatuba, para prostestar contra os atropelamentos que frequentemente ocorrem no local. O comerciante José Mauricio dos Reis contou que só neste ano 18 pessoas morreram vítimas de atropelamento. Os moradores querem a instalação de duas lombadas no trecho, onde moram mais de 500 famílias. A manifestação começou por volta das 10h da manhã e terminou ao meio-dia, com a intervenção da Polícia Rodoviária Estadual. O trânsito foi interrompido nos dois sentidos com toras de árvores, pneus velhos, causando cinco quilômetros de congestionamento. Os moradores só aceitaram parar o protesto quando ficou acertada a realização de uma reunião, na segunda-feira, com representantes do Departamento de Estradas e Rodagem (DER), Polícia Militar (PM) e prefeitura municipal. "Eles prometeram que após 72 horas da reunião, as lombadas já estarão instaladas", disse o comerciante.Os moradores garantiram que caso a promessa não seja cumprida, vão fechar a rodovia novamente. A SP 55 é a principal rodovia de acesso às praias do litoral norte pela região costeira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.