Manifestantes protestam contra obra em marina no Rio

Cerca de 200 pessoas fizeram neste domingo uma manifestação contra a construção da garagem náutica na Marina da Glória. De manhã, eles ouviram discursos de políticos e representantes de instituições sociais, como o SOS Aterro do Flamengo. De tarde, houve uma roda de samba e, durante todo o dia, os manifestantes exibiram um folheto com o logotipo da campanha Esse Mar é Meu - Marina Você já é Bonita com o que Deus lhe deu, criado por Ziraldo, contra a construção da obra que vai alterar o perfil do jardim criado por Affonso Reidy e Burle Marx.O projeto é da administradora da Marina, a Empresa Brasileira de Terraplanagem e Engenharia (EBTE), e prevê um prédio de 17 metros de altura (três andares) e 21 mil metros quadrados. Data de 1999, já foi embargado pela Justiça Federal, mas com a proximidade dos Jogos Pan-Americanos, a empresa conseguiu uma liminar e lançou os primeiros pilares do prédio. Há duas semanas, o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) levou a Polícia Federal ao local para parar a obra, pois a liminar autoriza uma construção provisória e não um edifício de três andares.A prefeitura do Rio alega que a garagem náutica é necessária para abrigar as embarcações que virão concorrer nos Jogos Pan-Americanos, em julho, mas o Iphan diz que outras marinas, inclusive a do Iate Clube da Ilha do Governador, na zona norte, já se ofereceram para abrigá-los e que o prédio está previsto para grandes embarcações, enquanto as do Pan são pequenas. A EBTE garante que vai cumprir o embargo, pois qualquer recurso cabe à prefeitura.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.