Manifestantes protestam no aeroporto Salgado Filho

Mais de 100 pessoas deitaram no piso do saguão segurando folha com nomes de vítimas do acidente da TAM

Elder Ogliari, Estadão

20 Julho 2007 | 16h07

Cerca de 130 pessoas deitaram por dez minutos no piso do saguão de embarque de passageiros do Aeroporto Salgado Filho para homenagear os mortos do vôo 3054 da Tam e protestar contra o descaso das autoridades com a crise do tráfego aéreo brasileiro, no início da tarde desta sexta-feira.   Veja também: Lista de vítimas do acidente do vôo 3054  O local do acidente  Quem são as vítimas do vôo 3054  Histórias das vítimas do acidente da TAM  Galeria de fotos  Opine: o que deve ser feito com Congonhas?  Cronologia da crise aérea  Acidentes em Congonhas  Vídeos do acidente  Tudo sobre o acidente do vôo 3054   Cada manifestante colocou sobre o peito o nome de uma das vítimas do acidente. O grupo ficou o tempo todo em silêncio e logo foi cercado por cerca de 150 pessoas, que, ao final, aplaudiram o ato.   A poucos metros, sem perceber o protesto, centenas de passageiros enfrentavam mais um dia de atrasos e esperavam em filas diante dos balcões de check-in a autorização para embarcar.   O protesto foi promovido por três jovens amigos, que difundiram a convocação pela internet. Entre os participantes estavam familiares de duas vítimas.

Mais conteúdo sobre:
Vôo 3054 Vítimas do vôo 3045

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.