Manifestantes queimam bandeiras americanas em SP

A manifestação do Comitê Brasileiro de Solidariedade ao Povo Palestino, em frente ao Consulado dos Estados Unidos em São Paulo, na rua Padre João Manuel, foi encerrada por volta de 13h30 com a queima de bandeiras norte-americanas e lançamento de ovos contra o vidro da guarita de segurança da representação diplomática. A pedido dos próprios organizadores do ato, os manifestantes deixaram de atirar ovos, mas representantes do consulado já haviam considerado muito agressivo o comportamento do público e o apontaram como justificativa para a decisão da cônsul geral, Carmem Martinez, de não receber uma comissão de manifestantes como reivindicava o Comitê de Solidariedade. Segundo Ali El-Khatib, um dos coordenadores do comitê, os manifestantes pretendiam entregar a Carmem um manifesto pedindo a gestão dos Estados Unidos junto à ONU para o envio de uma força de paz ao Oriente Médio.A Policia Militar estimou o número de manifestantes entre 300 e 400 pessoas, mas os organizadores disseram que o ato chegou a reunir quase mil pessoas entre a caminhada iniciada no Masp e a concentração em frente ao consulado. A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) estimou em dois mil os participantes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.