Marcola não está usando celular, garante diretor do Deic

O diretor do Departamento de Investigações sobre o Crime Organizado (Deic) de São Paulo, Godofredo Bittencourt, disse em entrevista à Rádio Eldorado, nesta quinta-feira, ser impossível o uso de celular pelo líder da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) Marcos Camacho, o Marcola, preso na Penitenciária de Presidente Bernardes, em regime de segurança máxima."Marcola não está fazendo uso de celular nenhum. Ele está preso no Regime Disciplinar Diferenciado (RDD) e além disso, em Presidente Bernardes, devido bloqueio, não há condição de se fazer uso de celular", afirmou.No RDD, os presos ficam em celas individuais até 360 dias e o acesso a visitas, televisão e jornais não é permitido. Em relação à suposta entrevista concedida por Marcola à TV Bandeirantes, Bittencourt disse não poder afirmar nada com convicção mas, não acredita na existência de nenhum tipo de entrevista por telefone.O diretor procurou ainda tranqüilizar a população ao afirmar que não há mais motivo para preocupação e que a polícia está trabalhando para identificar todos os envolvidos nos atentados o mais rapidamente possível.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.