Reprodução/ Redes sociais
Reprodução/ Redes sociais

Marido envia mensagem, persegue e mata a ex em SC

Momentos antes de cometer o assassinato, homem teria perguntando à vítima se ela gostava de surpresa e que teria uma 'inesquecível'

Leonardo Augusto, especial para o Estadão

25 de dezembro de 2020 | 20h58

Uma mulher de 23 anos foi morta a tiros na frente de familiares na noite desta quinta-feira, 24, véspera de Natal em Jaraguá do Sul (SC). A suspeita é que o ex-companheiro tenha cometido o crime.

Momentos antes de cometer o assassinato, o homem teria enviado mensagem por aplicativo perguntando à vítima se ela gostava de surpresa e que teria uma "inesquecível". O crime foi confirmado pela Polícia Civil de Santa Catarina.

A mulher, identificada como Thalia Ferraz, estava com parentes em casa no bairro Rio Cerro I, em Jaraguá do Sul. O ex-companheiro chegou à residência de Thalia atirando.

A mulher tentou se esconder em um dos quartos da casa, mas o ex-companheiro a perseguiu e a atingiu. A ocorrência foi registrada pela Polícia Militar de Santa Catarina por volta das 23h30. O homem está foragido.

O sepultamento de Thalia Ferraz estava previsto para a tarde desta sexta-feira, 25. A mulher tinha dois filhos de outro relacionamento.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.