Marina investe em entrevistas para contar sua história de vida

Pré-candidata já foi aos programas de Ratinho, Netinho e Adriane Galisteu para atrair os eleitores das classes C e D

Roberto Almeida, O Estado de S.Paulo

15 de abril de 2010 | 00h00

O esforço por conhecimento público da pré-candidata do PV à Presidência, senadora Marina Silva (AC), levou o comando de sua campanha a investir em programas populares. Foram cinco participações em que Marina pôde apresentar sua história de vida - ponto considerado crucial para conseguir identificação com o eleitorado das classes C e D.

No dia 22 de outubro do ano passado, em seus primeiros passos para expor a candidatura, Marina participou do programa Toda Sexta, de Adriane Galisteu, na TV Bandeirantes. No entanto, a junção de agenda partidária com atuação no Senado e a participação no programa de TV não tornou a candidata conhecida do eleitorado.

Maratona. Em fevereiro deste ano, após pesquisa que constatou que a senadora não era reconhecida por 31% da população, ela emplacou uma rápida maratona em programas de TV. Participou do Programa do Ratinho e do Show da Gente, do vereador e cantor Netinho de Paula (PC do B), ambos no SBT.

Em um último esforço, consolidando as classes C e D com o eleitorado cristão, Marina deu longa entrevista no programa do vereador Gabriel Chalita (PSB), replicada em todo o País pela TV Canção Nova.

No domingo, a senadora realizou seu primeiro encontro com o cineasta James Cameron, do blockbuster Avatar. Em uma conversa de 40 minutos, a pré-candidata do PV garantiu ter conseguido do cineasta apoio às causas ambientais, e recebeu elogios.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.