Marquise cai e mata três pessoas no Rio de Janeiro

Pelo menos três pessoas morreram e quatro ficaram feridas no início da noite desta sexta em conseqüência do desabamento da marquise do bar Parada Obrigatória, na esquina da Rua Souza Franco com o Boulevard 28 de Setembro, a principal artéria de Vila Isabel, bairro da zona norte do Rio.A Defesa Civil do município informou que a marquise, de aproximadamente 20 metros de extensão, estava em mau estado de conservação, com fadiga de material. Deixou de explicar, porém, porque a área não estava interditada, medida adotada apenas depois do desastre.No fim da noite, as vítimas foram identificadas. As três pessoas mortas são Jurema de Jesus, de 48 anos, Ivanildo de Souza Santos, de 26 e Neide Xavier, de 53. Os feridos foram identificados como Elizabeth Lopes, de 45 anos, Maria de Araújo Lima, de 66, Arlindo Rodrigues Ferreira, de 73, e Mariângela Leite de Andrade, de 52.O acidente aconteceu por volta das 18h30. Não se sabe se elas estavam no bar ou se passavam pelo local. Os feridos foram encaminhados ao Hospital do Andaraí, bairro vizinho à Vila Isabel.Bombeiros dos quartéis de Vila Isabel e do centro foram os primeiros a chegar ao local. Aproximadamente 30 militares participaram do resgate. Mais tarde, o comandante-geral da corporação abandonou uma solenidade para ir ao lugar onde ocorreu o acidente.Vila Isabel é um bairro conhecido pela intensa vida boemia e o bar Parada Obrigatória ocupa um ponto tradicional, geralmente lotado de fregueses nas noites de sexta-feira. Uma das pistas do Boulevard 28 de Setembro foi interditada, gerando um engarrafamento que se prolongou até a Praça da Bandeira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.