Marronzinhos voltam a multar normalmente em São Paulo

Os fiscais da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), mais conhecidos por marronzinhos, suspenderam a Operação Multa Zero nesta terça-feira, 25. No entanto, eles pretendem continuar multando menos com uma redução de 70% na aplicação das multas. Nesta segunda-feira, 24, 300 multas deixaram se ser aplicadas, o que resultou em uma redução de cerca de 95 % das infrações, de acordo com o Sindicato dos Trabalhadores do Trânsito Urbano, o Sindviários. Furar o rodízio ou estacionar em locais proibidos estão entre as infrações que não foram multadas pelos marronzinhos. Segundo cálculos do sindicato, a Prefeitura deixou de arrecadar R$ 5,5 mil em multas, ontem. A operação Multa Zero será aplicada uma vez por semana, até que as negociações salariais da categoria sejam concluídas. Nesta segunda-feira, segundo o Sindviários, todos os agentes participaram da operação. Uma nova reunião entre trabalhadores e CET está marcada para quarta-feira, 26, às 9h30, para discutir as reivindicações da categoria. Caso não cheguem a um acordo, os agentes devem retomar a operação Multa Zero na próxima terça-feira, 1º de agosto. Os funcionários reivindicam aumento salarial de 7%, mais reajuste de vale-alimentação e vale-refeição. Motoristas aproveitaramCom a paralisação dos marronzinhos em relação à aplicação de multas na segunda-feira, muitos motoristas aproveitaram para parar em locais proibidos, furar o rodízio e andar falando no celular. Na Rua da Consolação, às 9h30, a reportagem do JT flagrou quatro carros e um caminhão com placas 1 ou 2, furando o rodízio de ontem.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.