Marta anuncia pão vitaminado em merenda

A prefeita de São Paulo, Marta Suplicy (PT), assinou, hoje, um protocolo de intenções para o fornecimento de pão fortificado para merenda escolar. A parceria da prefeitura foi feita com Sindicato da Indústria de Panificação e Confeitaria de São Paulo, durante solenidade no Mart Center, em São Paulo. Além de vitaminas do complexo B, o pão vitaminado que será utilizado na merenda deve conter uma quantidade de ferro que cobre 30% do que é recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS). A prefeita não detalhou os valores envolvidos na iniciativa, mas explicou de onde será possível tirar a verba."Dinheiro nós não temos. Mas quando você refaz um contrato como o do Leve-Leite e economiza R$ 2 milhões por mês, você arranja o dinheiro".Segundo o secretário municipal de Abastecimento, Jilmar Tatto, além de combater a anemia o projeto gerará empregos. Para ele, o próximo desafio será tirar o doce da merenda escolar. "Só espero não ser reconhecido como secretário que tirou o doce da criança e colocou o ferro no pão", brincou.Ainda este mês, a Secretaria Municipal de Abastecimento (SEMAB) lançará editais para escolher quais padarias fornecerão pão fortificado para a prefeitura. O preço praticado pelos estabelecimentos selecionados para o pão vitaminado terá de ser o mesmo do pão francês, entre R$ 0,10 e R$ 0,15.

Agencia Estado,

10 de maio de 2001 | 21h30

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.