Marta autoriza transferência de ossadas de Perus

A prefeita de São Paulo, Marta Suplicy, autorizou hoje a transferência de cerca de mil ossadas, encontradas há 11 anos, na vala comum do Cemitério de Perus (zona norte da capital). O material será transportado da Unicamp, em Campinas, para o Cemitério do Araçá, em São Paulo. A transferência foi requisitada esta manhã por integrantes da Comissão de Familiares de Mortos e Desaparecidos Políticos. Eles alegam que as ossadas estão abandonadas na Unicamp e que as investigacões estão paradas. "A Prefeitura está assumindo um papel político que os outros dois prefeitos (Pitta e Maluf) não fizeram", disse a prefeita.O vice-prefeito, Hélio Bicudo, foi indicado por Marta como representante da Comissão. O jurista Miguel Reale Jr., que preside a Comissão, embarca hoje para Brasília onde pedirá autorização ao ministro da Justiça, José Gregori, para que uma equipe argentina de antropologia forense possa ajudar na identificação dos corpos encontrados na vala clandestina de Perus. Até hoje, apenas sete ossadas foram identificadas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.