Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Matou com veneno o namorado, nove galinhas, o cão e o gato

Para se vingar do namorado, que queria abandonar e que não a deixava sair com os seus pertences da casa, Alessandra dos Reis, de 29 anos, colocou veneno para matar formigas na comida do lavrador Wilson Ribeiro, de 42, na sexta-feira, numa casa do assentamento da Fazenda Boa Sorte, em Restinga, na região de Ribeirão Preto (SP). O lavrador comeu, chegou a voltar ao trabalho à tarde mas passou mal e foi internado no Hospital do Coração, em Franca. Na segunda-feira, morreu. A polícia de Restinga suspeitou do envenenamento logo no início, após uma conversa com a filha de Wilson, e teve certeza disso quando nove galinhas, mais o cachorro e o gato mantidos no local apareceram mortos no quintal - haviam comido os restos da panela do almoço. Alessandra dos Reis confessou o crime um dia depois de Wilson morrer, e agora o delegado Marcelo Rodrigues aguarda os laudos periciais para concluir o inquérito.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.