Médico é preso com grupo que levava lança-perfume

Três homens, entre eles um médico recém-formado, foram presos na noite desta quarta-feira, em Copacabana, zona sul, sob suspeita de posse de entorpecentes. Eles foram detidos por agentes da Delegacia de Capturas Sul, em um apartamento na Rua Figueiredo Magalhães, com duas malas repletas de ampolas contendo uma substância que apolícia acredita ser lança-perfume.Cautelosa, a delegada Soraya Vaz, da 12ª DP(Copacabana), preferiu não divulgar nomes até que o Instituto de Criminalística Carlos Éboli emita laudo comprovando que o material apreendido é entorpecente. ?Não sou perita, pode ser água destilada. Aparentemente, é uma substância entorpecente. Já estava embalada e provavelmentepronta para ser comercializada?, disse a policial.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.