Menina de 9 anos é morta dentro de casa em Curitiba

Morador de rua é apontado como suspeito e foi preso em flagrante no último sábado pela polícia

Carolina Freitas, da Agência Estado

16 de novembro de 2008 | 13h51

Uma menina de nove anos foi encontrada morta em casa, em Curitiba (PR), com sinais de estrangulamento e violência sexual, na madrugada desse domingo. A Polícia Civil do Paraná apontou Mariano Torres Ramos Martins, de cerca de 40 anos, como suspeito pelo crime. O morador de rua, foragido da Colônia Penal do Estado, foi preso em flagrante. O crime aconteceu no bairro Atuba, na periferia da capital paranaense.   A mãe da criança, Maura Rosa, relatou à polícia ter chegado em casa por volta das 23h30 de sábado, encontrado a garota deitada na cama e ouvido roncos. Maura olhou debaixo da cama da filha e encontrou Mariano dormindo. Ao perceber a mulher, Mariano tentou fugiu, mas foi alcançado por vizinhos, que o agrediram. Depois de ser atendido no Hospital Cajuru, Mariano foi levado ao Centro Integrado de Atendimento ao Cidadão (Ciac), da Polícia Civil, onde está detido.   De acordo com o investigador Francisco Costa, do Ciac, Mariano era foragido da Colônia Penal do Estado e alvo de dois mandados de prisão. A família da criança aguarda a liberação do corpo da menina no Instituto Médico Legal da cidade.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.