Menina desaparece após sair para ir à escola na zona norte de SP

Ela foi vista por colegas em frente ao colégio onde estudava, sendo seguida por um homem conhecido na região

Solange Spigliatti, Central de Notícias

02 de maio de 2011 | 13h39

SÃO PAULO - Uma estudante, de 11 anos, desapareceu na manhã da última quarta-feira, 27, após sair de casa, no Jardim Carumbé, na zona norte de São Paulo, para ir à escola.

 

Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), ela foi vista por colegas da escola onde estuda no mesmo dia do desaparecimento, sendo seguida por um homem conhecido na região, que ainda não foi localizado.

 

Além disso, a menina também foi vista em casa, por volta das 12 horas, pelas primas. Já a diretoria da escola confirmou que a garota não compareceu às aulas e funcionários dizem tê-la visto caminhando em frente à escola por volta das 16 horas, seguida pelo suspeito.

 

De acordo com a mãe da adolescente, a filha gostava de ficar em casa e não tinha o hábito de brincar na rua e nem sequer frequentava a casa de colegas. Ela costumava chegar em casa todos os dias em casa por volta das 19 horas.

 

No dia seguinte ao desaparecimento, a polícia recebeu denúncias dizendo que a garota teria sido vista em uma mata, na Avenida Deputado Cantídio Sampaio. No local, a polícia encontrou cinco homens que foram levados à delegacia para averiguação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.