Menina é encontrada amarrada em mata de Pernambuco

Garota foi descoberta por populares com ferimentos nas mãos, pés, pernas e braços, após mais de 18 horas

Mônica Bernardes, de O Estado de S.Paulo,

16 Abril 2008 | 15h30

Depois de passar mais de 18 horas amarrada em uma mata localizada no bairro de Dois Unidos, na zona norte de Recife, uma menina de dez anos foi resgatada, no final da manhã de desta quarta-feira, 16, por populares.   De acordo com informações da Gerência de Proteção à Criança e ao Adolescente (GPCA), a vítima teria sido retirada de sua casa, em um bairro vizinho, na tarde da última terça-feira, por um homem identificado como Gutenberg. O rapaz, segundo os policiais, teria um relacionamento com a mãe da garota.   Em estado de choque, a menor foi localizada após conseguir retirar um pano preso à boca e gritar. Levada a um hospital, a vítima - que tinha ferimentos nos pés, pernas, braços e mãos - recebeu atendimento médico. A princípio a Polícia descarta a prática de violência sexual. O caso está sendo investigado pela GPCA.

Mais conteúdo sobre:
reféns violência

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.