Menina poderá ficar com R$ 7,8 mil que achou em lixeira

A estudante E. D. F., de 10 anos, tornou-se nesta quinta-feira o centro das atenções, ao distribuir dinheiro entre os colegas de classe na Escola Municipal Chiquinha Rodrigues, na Vila Penteado, na zona norte de São Paulo.A quantia, de R$ 7.800,00, em notas de R$ 100,00, foi encontrada pela menina por volta das 13 horas em uma lixeira, na Favela Tiro ao Pombo, em Brasilândia, por onde ela passa a caminho da escola."Pensei que fosse falso", disse E. D. F. à polícia. "Nunca tinha visto uma nota de R$ 100,00 na minha vida." Segundo a menina, o dinheiro estava dentro de uma bolsa. Ao ver o que a aluna estava fazendo, a professora avisou a diretoria da escola, que acionou a polícia militar.A ocorrência foi registrada no 45º Distrito Policial, em Brasilândia. A polícia acredita que o dinheiro seja roubado. Nesta quinta, na mesma delegacia, foi registrado o roubo de R$ 10 mil, também em notas de R$ 100,00, de uma padaria do bairro."Os assaltantes podem ter se assustado ao ver uma viatura e jogado parte do dinheiro no lixo, para pegar mais tarde", acredita o cabo da PM Sílvio Augusto. "Mas a menina pegou antes. Ela não sabia o que estava fazendo." Segundo ele, a quantia pode ser devolvida à menina, caso o dono não se apresente à polícia.

Agencia Estado,

10 de abril de 2003 | 21h15

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.