Meninas mobilizam PM ao forjar sequestro para faltar em aula em MG

Quatro viaturas com 16 policiais fizeram buscas em Matozinhos; garotas foram encontradas em rodovia

Priscila Trindade, estadão.com.br

04 Novembro 2011 | 18h19

SÃO PAULO - Três adolescentes foram apreendidas na tarde desta sexta-feira, 4, após forjar o próprio sequestro para faltar na aula em Matozinhos, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

Por volta das 9 horas, duas mães desesperadas acionaram a Polícia Militar depois que uma das jovens ligou e disse que ela, a irmã e uma amiga foram sequestradas na porta da escola e estavam no porta-malas de um carro. Segundo o relato de uma das mães, a filha pedia socorro e dizia que não queria morrer.

De acordo com o tenente Noel Rosa, do 36º BPM, 16 homens e quatro viaturas foram mobilizados para procurar as estudantes de 12, 13 e 15 anos. Quase cinco horas depois, elas foram encontradas às margens da MG-424, no limite entre Matozinhos e Pedro Leopoldo.

Inicialmente, as adolescentes confirmaram o sequestro, mas depois confessaram que a história era falsa. As três disseram ter inventado o sequestro para poder "matar" aula.

As garotas foram encaminhadas na companhia dos pais para o Conselho Tutelar da cidade. Elas vão responder por falsa comunicação de crime.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.