Menino ferido com tiro na cabeça continua em estado grave no Rio

Ele foi encontrado baleado com um tiro na cabeça dentro de casa em São João de Meriti

Tiago Rogero, estadão.com.br

23 de maio de 2011 | 11h23

RIO - O garoto de 11 anos que foi encontrado baleado com um tiro na cabeça dentro de casa em São João de Meriti, na Baixada Fluminense, continua internado em estado gravíssimo. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde do Rio, o menino passou por uma cirurgia para a retirada da bala, na madrugada do sábado, e segue no Centro de Terapia Intensiva (CTI) pediátrico do Hospital Souza Aguiar, no Centro da cidade.

O garoto foi encontrado por uma vizinha, na sexta-feira à noite, que teria ouvido o disparo. Segundo a polícia, ele estava sozinho e desacordado. A mãe contou que teria levado a outra filha, que passava mal, ao Posto de Atendimento Médico (PAM) do bairro Éden, em São João do Meriti. O pai, ainda de acordo com os policiais, estaria no trabalho.

Um revólver calibre 38 com a numeração raspada foi encontrado no quarto. A arma, segundo a polícia, pertence ao pai do menino. Peritos da polícia civil estiveram na casa e no hospital, para verificar se havia vestígios de pólvora nas mãos do garoto. O resultado deve sair esta semana. A polícia não confirma se o pai compareceu à 64ª DP (São João de Meriti) para prestar depoimento.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.