Menor rouba dois carros, atira contra a polícia e morre

O adolescente Clemilton Alves da Silva, de 17 anos, armado com um revólver calibre 38, morreu, por volta das 21h30 desta quarta-feira, ao atirar cinco vezes contra policiais militares da Força Tática do 12º Batalhão, na região do aeroporto de Congonhas, na zona Sul da capital. O comparsa de Silva, Gérgon Roberto dos Santos, de 19, rendeu-se e foi levado ao 27º Distrito Policial, do Campo Belo.A dupla roubou um Peugeot prata na Rua Itacira, em Moema, e, já fugindo de PMs que os perseguiam, Clemilton e Gérson abandonaram o carro na Rua Viaza, onde roubaram um Golf preto, batendo-o contra um Corsa minutos depois na Rua Tamoios, ao lado do Aeroporto de Congonhas. Ao sair do veículo, o menor começou a atirar contra os policiais militares; e, mesmo atingindo um sargento, identificado como Pelizon, em um dos braços, acabou sendo baleado. Encaminhado ao Pronto-Socorro do Hospital Sabóia, no Jabaquara, o adolescente não resistiu e morreu.

Agencia Estado,

15 de abril de 2004 | 05h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.