ED FERREIRA/ESTADAO
ED FERREIRA/ESTADAO

Mensalão e cancelamento da viagem de Dilma aos EUA são os destaques da semana

O fracasso no leilão das rodovias, a ausência de gigantes petroleiras na disputa do campo de Libra e o tiroteio em Washington (EUA) também dominaram o noticiário

O Estado de S. Paulo

20 Setembro 2013 | 16h23

Com o voto do ministro Celso de Mello a favor dos embargos infringentes, o Supremo Tribunal Federal decidiu na quarta-feira, 18, que vai realizar um novo julgamento para parte dos crimes pelos quais 12 dos 25 réus do mensalão foram condenados. Também nesta semana, a presidente Dilma cancelou sua viagem oficial aos EUA, após denúncias de espionagem envolvendo o governo americano.

Na área econômica, o governo decidiu fatiar os leilões de rodovias e não vai mais oferecer dois trechos juntos, após o fracasso da oferta da BR-262. Além disso, gigantes petroleiras como Exxon Mobil, BP e BG disseram à Agência Nacional de Petróleo que não vão participar do leilão de Libra, o 1º do pré-sal.

Nos EUA, a segunda-feira, 16, foi marcada por um tiroteio em Washington. Um homem entrou armado em um complexo militar e abriu fogo, matando 12 pessoas e deixando 14 feridos.

Veja abaixo a lista com os 15 assuntos que se destacaram nesta semana.

1. STF abre novo julgamento do mensalão e final vai para 2014 - Na quarta-feira, 18, o Supremo Tribunal Federal decidiu que vai realizar um novo julgamento para parte dos crimes pelos quais 12 dos 25 réus do mensalão foram condenados. O voto decisivo pela aceitação dos embargos infringentes, que permitem uma nova análise quando uma sentença é obtida numa votação apertada entre os ministros da Corte, foi dado pelo decano Celso de Mello.

2. Espionagem faz presidente cancelar ida aos EUA - Na terça-feira, 17, a presidente Dilma Rousseff decidiu cancelar sua viagem oficial aos Estados Unidos, marcada para 23 de outubro. No Palácio do Planalto a informação é que não há clima para a visita a Washington após as suspeitas de espionagem envolvendo o governo americano. Em nota, a Casa Branca reafirmou que a decisão de adiar viagem foi conjunta.

3. Após fracasso, governo vai "fatiar" leilões de rodovias - Na segunda-feira, 16, o governo decidiu fatiar os leilões de rodovias e não vai mais oferecer dois trechos juntos. Em reunião de emergência com os principais responsáveis pelas concessões de infraestrutura, convocada após o fracasso da oferta da BR-262, a presidente Dilma foi informada que, com duas rodovias em leilão, as empresas priorizaram uma: a BR-050, que recebeu oito ofertas.

4. Gigantes desistem do 1ºleilão do pré-sal e frustram ANP - Na quinta-feira, 19, a diretora-geral da Agência Nacional do Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANP), Magda Chambriard, afirmou ter recebido telefonemas de três gigantes do setor petroleiro, Exxon Mobil, BP e BG, dizendo que não participarão do leilão de Libra, o 1º do pré-sal e o campo com a maior reserva. A disputa está marcada para dia 21 de outubro.

5. Ataque em Washington deixa 13 mortos - Na segunda-feira,16, a capital dos EUA ficou em alerta máximo depois que um homem entrou armado em um complexo militar de 3 mil funcionários e abriu fogo, matando 12 pessoas e deixando 14 feridos. Morto no local, o atirador foi identificado como Aaron Alexis, de 34 anos, reservista e prestador de serviços da Marinha.

6. Mãe e quatro filhos são achados mortos - Na terça-feira, 17, uma mulher e seus quatro filhos foram encontrados mortos no apartamento em que moravam em Ferraz de Vasconcelos, na região metropolitana de São Paulo, no início da madrugada. A polícia investiga se houve vazamento de gás.

7.Feliciano manda prender garotas que se beijaram -Na segunda-feira, 16, o deputado e pastor Marco Feliciano (PSC-SP) mandou prender duas estudantes após elas terem se beijado durante culto evangélico ministrado pelo parlamentar na em São Sebastião, no litoral paulista. "Essas duas precisam sair daqui algemadas", disse Feliciano, sob aplausos dos evangélicos, que assistiram à cena por meio de dois telões instalados no local.

8. Francisco abre Igreja para gays e divorciados - O papa Francisco abriu a Igreja Católica para homossexuais, divorciados e para as mulheres que fizeram o aborto. "A religião tem o direito de exprimir sua opinião própria a serviço das pessoas, mas Deus na criação nos fez livres: a ingerência espiritual na vida das pessoas não é possível", disse o papa em entrevista ao padre Antonio Spadaro, feita em agosto e publicada na quinta-feira, 19, pela revista jesuíta italiana "La Civiltà Cattolica".

9. Após derrota no Maracanã, Mano Menezes anuncia saída - Na quinta-feira, 19, o técnico Mano Menezes surpreendeu e anunciou a sua saída do comando do Flamengo após a derrota de virada por 4 a 2 para o Atlético Paranaense, em pleno estádio do Maracanã.

10. O Corinthians continua despencando - Na quarta-feira, 18, em mais uma atuação sofrível, o time comandado por Tite foi derrotado pela Ponte Preta por 2 a 0, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, pela 22.ª rodada do Campeonato Brasileiro, e conheceu a sua terceira derrota consecutiva. Com apenas um ponto ganho nos últimos 15 disputados, segue com 30 e caiu para a sétima colocação, mais distante do G4 - a zona de classificação à Copa Libertadores.

11. Neymar estreia na competição das estrelas - Na quarta-feira, 18, em seu 300º jogo na carreira e o primeiro na Liga dos Campeões, Neymar deixou a desejar na vitória por 4 a 0 do Barcelona diante do Ajax no Camp Nou. Em busca de glória e de fortuna, 32 times começaram a disputar o título mais cobiçado da Europa na terça-feira 17.

12.Otan defende intervenção militar na Síria como alternativa à diplomacia - A opção de realizar um ataque militar ou operação similar na Síria deve permanecer aberta como uma das maneiras de lidar com a crise no país, disse o secretário-geral da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), Anders Fogh Rasmussen, na quinta-feira, 19.

13. Síria entrega dados à ONU - A Síria enviou os detalhes de suas armas químicas para a Organização para a Proibição de Armas Químicas (OPAQ), nesta sexta-feira, 20, informou a entidade.

14. PSB decide entregar cargos no governo - Aliado do PT desde o governo Lula, o PSB do governador de Pernambuco, Eduardo Campos, deu nessa quarta-feira, 18, o primeiro passo para lançar candidatura própria à Presidência, em 2014, e entregou os cargos ocupados na administração Dilma Rousseff.

15. Metallica e Ghost são destaques da quinta-feira, 19, no Rock in Rio 2013. Bandas fizeram do palco uma celebração do mundo do metal; horas antes Alice Chains recuperou o instinto destrutivo do grunge.

Mais conteúdo sobre:
destaquesdilmatiroteio eua

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.