Mesmo com novo sistema antineblina, aeroporto de Porto Alegre fecha nesta manhã

Equipamento aguardado há 16 anos foi inaugurado na sexta-feira, mas não evitou fechamento do aeroporto

Lucas Azevedo, Especial para p Estado

21 de junho de 2014 | 12h45

PORTO ALEGRE - O aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre, ficou três horas e meia fechado neste sábado devido ao nevoeiro. Mesmo com a operação do novo sistema antineblina, as operações tiveram que ser interrompidas, ocasionando cinco cancelamentos (três chegadas e duas partidas) e 25 atrasos (nove aterrissagens e 26 decolagens).

O Salgado Filho fechou às 7h10, para reabrir somente às 10h40. O nevoeiro, muito comum nesta época do ano, foi o causador da interrupção. O transtorno pegou de surpresa turistas, que aguardavam para embarcar para outras capitais para assistir a jogos de suas seleções, como foi ocaso de amigos uruguaios e australianos.

Nessa sexta-feira, o ILS CAT II (Instrument Landing System - ILS Categoria II), sistema de aproximação de aeronaves em baixa visibilidade – equipamento cuja instalação era aguardada há 16 anos – entrou finalmente em operação. Mesmo assim, seu funcionamento não foi suficiente para manter o aeroporto aberto.

Conforme a Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária), o comumente chamado ILS 2 só é útil quando a visibilidade é superior aos 350 metros. Como o nevoeiro deste sábado foi muito intenso, a visualização desta distância ainda era problemática.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.