Mesmo com visitas proibidas, familiares vão aos presídios

Mesmo com as visitas proibidas, alguns ônibus com familiares de presos saíram de São Paulo na madrugada de hoje com destino a penitenciárias do interior. Dois ônibus tiveram como destino o presídio de Iaras, no sudoeste do Estado, onde os sinais de celular estão bloqueados. Um ônibus chegou na penitenciária de Junqueirópolis, no oeste paulista.De acordo com a mulher de um preso, mesmo sabendo que não poderão entrar, os familiares fizeram a viagem para tentar entregar o "jumbo", sacolas com alimentos, roupas e objetos de uso pessoal. Hoje a entrega do jumbo não era permitida nos presídios onde ocorreram rebeliões. Segundo uma funcionária do presídio, muitos familiares fazem a viagem apenas para ter informações sobre os presos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.