Metrô: galpão que ficava ao lado da cratera é demolido

Foi demolido neste sábado, 27, um galpão na Rua Gilberto Sabino, 200, ao lado da cratera que se formou na futura Estação Pinheiros do metrô. O prédio foi condenado porque ameaçava cair. A expectativa é de que outro imóvel, na Rua Capri 188, seja demolido neste domingo, 28. O Consórcio Via Amarela divulgou nota, confirmando que fechou acordo de indenização com a dona do microônibus engolido pela cratera, Edivoneide dos Anjos. Mas o vice-presidente da Transcooper, Paulo do Santos, informou que o acordo só será fechado segunda-feira, 29. Os valores não foram divulgados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.