Metroviários não descartam hipótese de iniciar greve amanhã

O Sindicato dos Metroviários de São Paulo divulgou, no início da tarde, nota à imprensa para esclarecer sua posição com relação às negociações com a direção da Companhia do Metropolitano, envolvendo a Justiça, sobre o reajuste pretendido pela categoria. Na nota, a diretoria do sindicato informa que ainda não há qualquer acordo entre as partes. Segundo a Assessoria de Imprensa, o Metrô ainda não informou sua posição com relação à proposta de conciliação apresentada pelo presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST). Ainda de acordo com a Assessoria, a categoria realiza uma reunião ainda hoje, na sede do sindicato em São Paulo.

Agencia Estado,

25 Junho 2003 | 19h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.