Metroviários protestam contra 222 demissões em São Paulo

Cerca de 30 metroviários estão realizando uma manifestação na frente do prédio da Secretaria de Transportes Metropolitanos, na Avenida Paulista, centro de São Paulo. O grupo protesta contra as 222 demissões que ocorreram na última segunda-feira. A assessoria de imprensa do Metrô informou que os demitidos eram aposentados ou tinham pedido para deixar a empresa. Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego, não há prejuízos ao tráfego ou confusão durante a manifestação.Suicídio Um homem de 29 anos tentou cometer suicídio atirando-se na frente de um trem, por volta das 11 horas, na Estação Ana Rosa, na zona sul. A composição circulava em direção ao Jabaquara, onde localiza-se a estação final da linha norte-sul. A vítima foi socorrida com vida e levada a um hospital. O incidente gerou um atraso de 20 minutos entre as composições naquele sentido da linha.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.