Minas tem 49 cidades em situação de emergência e 13 mortes

Estimativa da Defesa Civil é que quase 158 mil pessoas tenham sido atingidas pelas chuvas nas últimas semanas

Solange Spigliatti, estadao.com.br

22 de dezembro de 2008 | 10h54

As chuvas em Minas Gerais causaram mais estragos neste fim de semana. Nesta segunda-feira, 22, subiu para 49 os municípios em situação de emergência, segundo boletim da Defesa Civil do Estado. As vítimas fatais já chegam a 13 e quase 158 mil pessoas foram atingidas pelas chuvas.   Veja também: Tudo sobre as vítimas das chuvas      Os desabrigados chegam a 4.631 e desalojados somam 27.832. Cerca de 14 mil casas foram danificadas e 179 foram totalmente destruídas, segundo o boletim.   De acordo com a Defesa Civil, as chuvas elevaram o nível do Rio Piracicaba e Córregos da região que transbordaram e ocasionaram a inundação em algumas residências, bem como a queda de barreiras em áreas rurais interditando parcialmente estradas vicinais neste fim de semana em Antônio Dias, na Região do Vale do Rio Doce.   As fortes chuvas destruíram 30 pontes. O trecho da BR-494, que liga os municípios de Carmo da Mata e Oliveira, continua interditado e precisará ser reconstruído. A Rodovia Fernão Dias é a alternativa para quem precisa atravessar o estado.   De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia, há previsão de chuvas ocasionais ao longo do dia para a região sul e oeste do estado e o Triângulo Mineiro. O boletim meteorológico também informa que poderá chover em pontos isolados no centro, noroeste, norte, nordeste, leste e na Zona da Mata.   Texto alterado às 12h51 para acréscimo de informações.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.