Mineiro adota barba e diz que é por estar 'desempregado'

"Estou de férias e desempregado", disse o ex-governador Aécio Neves, para justificar o novo visual, com a barba crescida. A seu lado, o pré-candidato José Serra dizia que "uma das coisas mais chatas da vida" é fazer a barba todos os dias. Mas provocou o anfitrião, observando que as mulheres, normalmente, não gostam de homens barbudos.

, O Estado de S.Paulo

20 de abril de 2010 | 00h00

"Não quero desviar a atenção da mídia com minha barba. O dia hoje é do Serra", afirmou o mineiro. Para encerrar o dia ao lado de Aécio, Serra prestigiou, no Rio, a abertura de uma exposição em homenagem ao centenário de Tancredo Neves, no Museu Histórico Nacional. E a barba de Aécio voltou a chamar a atenção.

"Sempre fomos próximos, acho até que ele deixou crescer a barba para não correr o risco de outro beijo", brincou Serra, lembrando que beijou o mineiro no lançamento de sua pré-candidatura à Presidência. "Se ele der mais um beijo daquele, aí eu me apaixono mesmo", respondeu Aécio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.