Ministério Público vai investigar desabamento que matou 3 em Petrópolis

Promotoria acompanha trabalho dos órgãos do governo na remoção e assistência a moradores na região

Solange Spigliatti, Central de Notícias

06 de janeiro de 2011 | 10h58

SÃO PAULO - O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MP-RJ) instaurou inquérito para apurar as causas do desabamento de uma casa em Petrópolis, na região serrana do Rio. O deslizamento de terra que atingiu a casa ocorreu na última terça-feira, 4, na Comunidade Mata Cavalo II, em Araras, e resultou na morte de três meninas, todas da mesma família.

 

"O MP vai investigar as causas do acidente e analisar as ações do poder público junto aos moradores em área de risco para avaliar a necessidade de se ajuizar uma Ação Civil Pública. Estamos monitorando", afirmou o Promotor de Justiça Paulo Valim.

 

De acordo com o Promotor, o MP vem acompanhando o trabalho do Corpo de Bombeiros, da Defesa Civil e da Secretaria Municipal de Meio Ambiente do município, responsáveis por retirar os moradores de imóveis próximos ao que desabou e interditar o local. Eles foram levados para um abrigo do município, e já está sendo estudada a adoção do Aluguel Social para o grupo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.