Ministério rebate crítica de Marta sobre Bolsa-Escola

Em nota oficial, o Ministério da Educação respondeu à declaração da prefeita de São Paulo, Marta Suplicy, sobre o Programa Federal Bolsa-Escola. Marta se queixa de que 8 reuniões para discutir o programa teriam sido desmarcadas pelo Ministério. Assina a nota o secretário do Programa, Floriano Pesaro. Segue a íntegra:Em relação à nota publicada pela Agência Estado, desta quarta-feira, 12 de dezembro, "Marta rebate críticas de Paulo Renato sobre Bolsa-Escola", esclareço que, nesta Secretaria, todas as solicitações de reuniões ao longo deste ano foram atendidas. Capitais como São Paulo, especialmente, receberam toda a atenção de nosso corpo técnico. Foram mais de cinco reuniões entre as equipes da Secretaria do Bolsa Escola Federal e da Secretaria de Desenvolvimento Trabalho e Solidariedade de São Paulo. Pessoalmente, estive em três ocasiões com o secretário Márcio Pochmann para tratar do ingresso do município de São Paulo no Bolsa Escola Federal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.