Ministro das Cidades quer proibir moto-táxi

O ministro as Cidades, Olívio Dutra, mandou publicar nesta terça-feira, no Diário Oficial, resolução em que o Conselho das Cidades - do qual é presidente - se posiciona contra a utilização de motocicletas como veículo para o transporte pago de passageiros, o chamado "moto-táxi", e recomenda a criação de normas legais e ações no sentido de proibir essa prática.Ao tomar a decisão, o Conselho levou em consideração que a prática de "moto-táxi" vem se difundindo no País justamente quando são os acidentes com motocicletas os que, proporcionalmente, "reúnem o maior número de ocorrências com vítimas fatais ou ferimentos graves".O conselho recorda que acidentes de trânsito no País têm causado a morte de mais de 30 mil pessoas por ano e cerca de 400 mil feridos, dos quais 100 mil com seqüelas permanentes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.