Ministros Gilberto Gil e Ciro Gomes fazem dueto na Bahia

O ministro da Cultura Gilberto Gil, estrela do Camarote 2222, cuja anfitriã é a sua mulher Flora Gil, sempre participa de duetos com cantores dos trios elétricos. Na noite de ontem, quando a Banda Eva animava a região do Largo do Farol da Barra, Gil reviveu alguns dos seus sucessos. No momento de "Toda Menina Baiana", puxou o colega de ministério Ciro Gomes (da Integração Nacional) para o microfone. Gomes atendeu de pronto e criou-se o duo mais curioso até o momento do carnaval baiano. Ciro Gomes soltou a voz, cantando o refrão "e Deus deu, ô, ô, ô, e Deus dá...". Enquanto o marido ajudava a animar os foliões, a atriz Patricia Pilar fazia "tererê" no cabelo (uma espécie de trançado adornado com contas ou conchas) dentro do camarote. No circuito do centro, o trauma do incêndio no casarão da Rua do Forte de São Pedro, ocorrido na sexta-feira não parecia ter sido superado até a noite de sábado. No final da tarde um pequeno foco de incêndio voltou ao casarão e o corpo de bombeiros teve que agir novamente. Os engenheiros da Coordenação da Defesa Civil temendo que a vibração provocada pelo barulho dos trios elétricos (que atingem até 110 decibéis de potência, equivalente a uma turbina de jato) poderia causar desabamento nas paredes do imóvel queimado, ordenou que ao passar pelo local, os trios parassem de tocar. Além disso, uma viatura do corpo de bombeiros ficou estacionada ao lado do casarão para prevenir acidentes.

Agencia Estado,

22 de fevereiro de 2004 | 11h39

Tudo o que sabemos sobre:
carnavalcarnaval 2004

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.